Rami Malek afirma que gostaria de ser Freddie Mercury novamente


Durante a promoção do seu último filme Amsterdam, Rami Malek afirmou que gostaria de interpretar Freddie Mercury novamente numa sequela.


Rami revelou: "Brian May e eu estamos a tentar descobrir em que direcção a história de Freddie Mercury poderia ir a partir do final do primeiro filme. Acho que agora devemos focar-nos mais nas dificuldades da sua doença e no quanto isso afectou a sua carreira artística. A ideia principal é continuar a contar a história da grande pessoa e artista que Freddie foi, mas através dos obstáculos mais duros que teve de viver até ao fim. Seria um filme muito mais maduro e cru. Gostaria de voltar às roupas do Freddie."


Recordamos que Brian May, em conjunto com Roger Taylor, foi um dos produtores do filme Bohemian Rhapsody de 2018, e no ano passado revelou que poderiam haver planos para uma sequela do aclamado filme.


Bohemian Rhapsody venceu quatro Oscars em 2019, incluíndo o de melhor actor para Rami Malek, e arrecadou mais de 650 milhões de libras nas bilheteiras.

Brian May já havia admitido que seria uma tarefa difícil fazer um filme que possa dar continuidade ao sucesso de Bohemian Rhapsody, no entanto revelou que tentará fazer isso acontecer.


"Estamos a ver isso. Sim, estamos à procura de ideias. (...) Vai ser difícil continuar, pois nenhum de nós poderia prever o quão grande seria. Colocámos muito coração e alma para fazê-lo e ninguém poderia ter previsto, pois foi mais bem-sucedido do que E Tudo o Vento Levou".


E ainda acrescentou: "Mas sim, estamos a pensar que talvez isso possa acontecer, mas teria que ter um óptimo guião. Vai demorar um pouco."



Fonte: A Queen Of Magic