Queen The Greatest | EP 49: Uma década de Queen + Adam Lambert (Parte 1)


Queen The Greatest: uma celebração de 50 dos maiores momentos da história dos Queen até agora.


Uma série de 50 semanas no YouTube que celebra os momentos-chave da história dos Queen lembrando-nos o porquê da banda e da sua música continuarem a ser amadas em todo o mundo.


Roger Taylor: "Nunca a ouvi a ser cantada daquela maneira. Isso é, Isso é especial."


Brian May: "Ele continua a ser surpreendente, o quão longe ele consegue levar as coisas é realmente extraordinário. Muitas vezes fico mesmo ‘Wow’."

O Queen The Greatest irá chegar ao fim com um olhar à colaboração Queen + Adam Lambert dividido em duas partes. Nesta semana é abordada a forma como esta colaboração permitiu que Brian e Roger pudessem revisitar as suas cidades e locais favoritos, enquanto desfrutaram de novas experiências espetaculares.


Adam Lambert: "Sabem, porque é que tenho todas estas coisas em palco? Porque ‘I Want It All’ (Eu Quero Tudo!)"


Com o Queen The Greatest a chegar ao fim, neste penúltimo episódio chega ao presente com um olhar para – Uma década de Queen + Adam Lambert.


Adam, Brian e Roger discutem a sua "brilhante e simbiótica relação" e relembram performances marcantes na sua Digressão Asiática de 2014 que assinalou o regresso dos Queen ao Japão, bem como a tour por festivais europeus em 2016 destacando a excelente performance de "Who Wants to Live Forever" no Isle of Wight que surpreendeu Roger e Brian.


Quando as reações às suas primeiras incursões em palco juntos em 2012 mostraram que o desejo de ver os Queen ao vivo estava tão forte como sempre, os Queen + Adam Lambert embarcaram numa serie de digressões que englobou todos os continentes.


Como resultado, os novos fãs e os mais antigos tiveram a oportunidade de ver um concerto dos Queen em toda a sua grandiosidade e apesar desta colaboração ser uma excitante nova aventura, também significou que Brian e Roger pudessem novamente revisitar as suas cidades e locais favoritos.


Adam Lambert: "É a relação simbiótica mais brilhante com que possam sonhar porque, vocês sabem, podem dizer, "Oh, bem, sabes Adam, se não fosses tu, eles não estariam a tocar nesses locais nesses países’, mas comigo passa-se o mesmo. Se não fosse por eles, eu também não estaria a cantar em arenas por todo o mundo. (...) Eu senti mais um sentimento de … magia. Foi fantástico eles estarem a fazer isto novamente."


Roger Taylor: "O Japão foi fantástico. A última vez que lá fomos, foi absolutamente mágico. Isso, penso eu, mais do que em outro local levou-me até aos dias de antigamente. (...) Trouxe de volta memórias, particularmente da primeira vez em que estivemos no Japão e a sua fantástica reação."


Adam Lambert: "O que significou mais para mim foi ao voltar a todos aqueles locais famosos onde os Queen já tinham deixado a sua marca, ver o Brian e o Roger ficarem bastante nostálgicos. Significou muito para mim. Foi muito bom fazer parte desses momentos em que eles relembraram a primeira vez que lá estiveram e como tinha sido, e igualmente saber que haviam membros do público que também tinham lá estado da primeira vez."


Existiram também oportunidades para eles desfrutarem completamente de novas experiências juntos. Há vários destaques por onde escolher, mas a primeira aparição dos Queen no festival mundialmente famoso Isle Of Wight em 2016 resultou numa noite verdadeiramente memorável.


Adam Lambert: "Após ter ultrapassado as minhas próprias ansiedades tipo ‘Oh meu deus, eles vão comparar-me com o Freddie? Oh meu deus, será que sou bom o suficiente?’ Percebi que esta é uma experiência de uma vida e que tenho que me deixar ir e simplesmente atuar."


E um dos momentos de relevo daquela noite foi a imponente performance de Who Wants to Live Forever demonstrativa de que eles se tinham tornando numa poderosa combinação.


Roger Taylor: "Nunca a ouvi ser cantada daquela maneira. Isso é, Isso é especial."


Brian May: "Ele continua a ser surpreendente, o quão longe ele consegue levar as coisas é realmente extraordinário. Às vezes estou parado aqui mesmo a tocar a ‘Who Wants to Live Forever’ e ele está lá a fazer a sua própria cena. E quando ele começa com esta cena estratosférica, muitas vezes fico mesmo ‘Wow’."


Próxima semana: Uma década de Queen + Adam Lambert (Parte 2)



Fonte: Queen Online